Dia Mundial do Rock: quando a guitarra segue o flow



Se existe um estilo musical que se encaixa perfeitamente com as bases do hip-hop, é o rock e suas vertentes (punk, hardcore e, claro, o metal). Por que? Porque a essência é a mesma: revolução, revolta e justiça!

Os lobos poderosos que cercam as portas e abusam do poder que o Metallica alerta em “And Justice for All” são os mesmos que querem o sangue escarlate do Planet Hemp em “Contexto”; Os punhos fechados e amargos dos “proprietários do 3º mundo”, do Dead Fish, são as mesmas mãos ao alto dos que “lutaram contra o poder” ao som de Public Enemy; e os que nascem para liberdade e crescem para morrer, do Ratos de Porão, são os negros maltratados pela policia do N.W.A.

Por isso, não é difícil ver um punk na pista de skate ouvindo Racionais e um rapper das antigas na porta da Audio Club esperando para ver o Clemente cantando ao lado do Inocentes.

O casamento entre o rock e o rap é perfeito, e enquanto houver razões para cantar e protestar, essa união nunca irá se desfazer.

Confira abaixo a playlist do AudioGroove Festival com raprockrollpsicodeliahardcoreragga:



Postado originalmente por mim em AudioGroove Festival

Logo AudioGroove Festival
Compartilhe no Google Plus

About Muller Nascimento

Empreendedor na Hardskull Clothing; marketeiro por formação; metido a designer, videomaker e fotógrafo; louco por café e apaixonado por gatos. Conheça meu trabalho em www.mullernascimento.com